Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2018

Mantis: A Lagosta Boxeadora

Imagem
Dê uma olhadinha no belíssimo animal acima. Ele tem uma aparência incrível, não é mesmo? Com tantas cores e cheio de estruturas interessantes. O mantis shrimp”, conhecido por vários nomes, como lagosta-boxeadora, tamarutaca e esquila, realmente é fantástico. Tanto que o pessoal do site The Oatmeal criou um infográfico superinformativo especialmente para esse crustáceo. Características GeraisClassificação CientíficaReino:AnimaliaFilo:CrustaceaClasse:MalacostracaOrdem:StomatopodaFamília: Gênero: Espécie: Odontodactylidae

7 Lugares Onde a Natureza Venceu a Civilização.

Imagem
1. Vila Houtouwan, na China  Depois de serem abandonadas pelos pescadores que nelas moravam, as casas desta ilha chinesa foram transformadas em espaços verdes pela natureza.


2. Kolmanskop, na NamíbiaA extração de diamantes fez esta cidade africana se desenvolver freneticamente no início do século 20, mas, depois de o minério ter se esgotado na década de 1950, as oportunidades de trabalho acabaram mudando de endereço. Isso fez com que o lugar, desabitado, acabasse sendo tragado pelas areias do deserto. 


3. Ta Prohm, no CambojaEntre os séculos 9 e 12, a maior parte do Sudeste Asiático era dominada pelo Império Khmer, que ergueu edificações sagradas faraônicas, como, por exemplo, o templo de Angkor Wat. Mas, além dele, há outra construção no complexo arquitetônico Khmer que chama bastante a atenção: a Ta Prohm, que está tomada por árvores que crescem por dentro e fora das suas ruínas. O templo foi um dos cenários do filme “Lara Croft: Tomb Raider”, estrelado por Angelina Jolie e lançado e…

Rosa-do-deserto - Adenium obesum

Imagem
CARACTERÍSTICAS GERAIS:A rosa-do-deserto é uma planta herbácea, suculenta, de aspecto escultural e floração

Classificação CientíficaReino:PlantaeDivisão:AngiospermsClasse:EudicotsOrdem:AsteridsFamília: Gênero: Espécie: Apocynaceae Adenium A. obesum exuberante. O obesum do nome científico vem daquilo mesmo que você imaginou ao ver as fotos que ilustram este post: ela é gorducha. Embora comungue o nome popular, a rosa-do-deserto nada tem a ver com a rosa comum. Pertencente à família das apocináceas.
Seu caule é engrossado na base, uma adaptação para guardar água e nutrientes em locais áridos. Alcança de 1 a 3 metros de altura se deixada crescer livremente. Apresenta folhas dispostas em espiral e agrupadas nas pontas dos ramos. Elas são inteiras, coriáceas, simples, de forma elíptica a espatulada, verdes e com nervura central de cor creme. Raríssimas variedades apresentam variegações, com folhas creme, salpicadas de verde.
FLORAÇÃO: