Pages

segunda-feira, 31 de março de 2014

Pitaya - Hylocereus undatus



CLASSIFICAÇÃO:

  • Nome comum:Pitaya
  • Família:Cactaceae
  • Gênero:Hylocereus
  • Espécie:Hylocereus undatus Haw
  • Classe:Magnoliopsida
  • Ordem:Caryophyllales



A Hylocereus undatus é uma espécie de pitaia pertencente ao gênero Hylocereus e a família Cactaceae, é disseminada na América Latina e cultivada nos quatro continentes, e pode ser encontrada desde Israel até a China. Nativa de florestas úmidas mantem hábito escandente ou trepador, pode ser encontrada subindo em árvores ou rochas, no seu habitat natural, utilizando raízes aéreas para se fixar.

As pitayas são conhecidas na cultura Asteca a um longo tempo, este nome significa fruto de escamas, é utilizado tanto para a planta como para o fruto de Hylocereus undatus (Haw.) Britton & Rose. É conhecida pelo mundo afora por diversos nomes, como dragon fruit, pitahaya, no Brasil o nome vulgar da cultura sofreu modificações, com escrita diferente, Pitaia, mas mantendo a sonoridade. Noutros locais sua flor é conhecida como rainha-da-noite.

características:

Da familia botânica Cactaceae, a Pitaya pertence ao gênero Hylocereus. É planta perene, crescendo comumente sobre árvores ou pedras. Tem raízes fibrosas, abundantes e desenvolve também numerosas raízes adventícias, que ajudam na sua fixação e na obtenção de nutrientes. Uma das formas de propagação da planta é por estaquia.
No vale de Tehuacán no México , ela é chamada de Pitahaya. Essa cactácea nativa dos Andes, foi levada pelos holandeses e franceses para a Ásia, onde são hoje largamente cultivadas em Taiwan, Vietnam, Tailândia, Filipinas, Sri Lanka, e Malasia. São também encontradas em Okinawa, Hawai, Israel , Norte da Austrália e Sul da China.
A pitaya vermelha é uma cactácea cujos frutos são de interesse comercial crescente por produtores e consumidores. Existem pequenas áreas de produção comercial de Pitaya aqui no Brasil em S.P, na região de Catanduvas.
Os frutos da Pitaya são ricos em vitaminas, fósforo, que auxilia o processo digestivo e previne o câncer de cólon e a diabetes. Ajuda, também, a neutralizar substancias tóxicas (metais pesados), reduz os níveis de colesterol e a hipertensão. As sementes têm efeito laxante. Pode-se consumir a polpa do fruto ao natural ou processado como refresco, geléias ou doces. Seu gosto lembra um pouco o do melão e apesar de sua aparencia chamativa, o paladar é suave. Além do fruto, que tem efeito em gastrites, o talo e as flores são usados para problemas renais.

Fonte: http://as19frutas.wordpress.com/

 Galeria:


















2 comentários:

  1. bom dia amigo,eu estou conhecendo a pitaya melhor do que antes em que eu achava que era apenas um detalhe nao comestivel de um tipo de cacto haha,mas e uma fruta maravilhosa e tao simples de cultivar,existe alguma contra indicação em relação ao consumo pleno desta fruta?gostei muito desta pagina,obg amigo e um otimo dia pra ti.

    ResponderExcluir
  2. Bom dia. É verdade. A Pitaya alem de saborosa tem muitas vitaminas e auxiliam a saúde. Planto pitaya no Município de Tomé Açu, interior de Belém - PA. Um pouco mais de 4.000 planta. Me apaixonei pela cultura da fruta.

    ResponderExcluir

Obrigado pela sua participação!

 

Blogger news

Nº de Visualizações

About