Pages

terça-feira, 25 de janeiro de 2011

Melão-de-São-Caetano (Momordica Charantia)

Se você não foi criado no interior com todo certeza não conhece esta planta.

O Melão-de-são-caetano, que quando criança eu conhecia com galinhazinha, é uma planta da  família Cucurbitaceae; muito conhecido como “melãozinho”. O Melãozinho é de origem asiática, trazido da África pelos escravos. 


É um cipó herbáceo muito comum em cercas e entulhos de terrenos abandonados. Seu fruto cor de ouro com espinhos moles na superfície se abre espontaneamente em 3 partes, quando maduro mostra suas sementes vermelhas comestíveis de grande beleza e paladar suave, muito apreciado pelas crianças.  Eu já comi muito.

As folhas desta planta eram usadas pelas lavadeiras para clarear a roupa. Foi trazida da África ao Brasil pelos escravos que usavam o seu chá em banhos para facilitar o parto e para baixar febres. A infusão dos frutos maduros é boa para curar hemorróidas.
No Brasil, os frutos são consumidos principalmente pela comunidade nipo-brasileira. São colhidos e vendidos verdes em feiras livres na cidade de São Paulo onde se concentram estas comunidades. Podem ser consumidos também em alguns restaurantes japoneses mais tradicionais. São popularmente conhecidos entre eles como nigaurinigagori ou goya, sendo esta última denominação utilizada pelos descendentes provindos da província de Okinawa, onde consome-se muito este fruto.

Seu nome Melão-de-são-caetano se deve aos escravos que se estabeleceram na região das minas auríferas e plantaram ao redor de uma capelinha em Mariana. O padroeiro da capela era S. Caetano e os frutos parecidos com melão. Daí o nome Melão de São Caetano.

PROPRIEDADES MÉDICAS:
Estudos científicos publicados nos últimos 10 anos mostram que o Melão de São Caetano ou Melão Amargo, apresenta propriedades anti-tumorais e anti-cancerígenas e muitas pesquisas tem sido realizadas a respeito de suas atividades antivirais e no HIV. 

O Melão pode ser usado contra todas as doenças de pele, tais como eczemas, acne e doenças por fungos. É ótimo coadjuvante para os diabéticos, pois tem propriedades hipoglicêmicas, reduzindo o índice de glicose no sangue

PROPRIEDADES QUÍMICAS:
Contém duas vezes a quantidade de potássio de uma banana e também é rico em vitaminas A e C, além dos seguintes compostos químicos:  5-hidroxitriptmamina (serotonina), ácido linoleíco, licopeno, zeaxantina e lanoesterol todos possuindo referências sobre atividade anti-cancerígena ou na prevenção do câncer. O Melão Amargo contém também a substância criptoxantina, que tem propriedades antimutagênicas.

Para quem tiver disposto a provar, eu vou passar uma receita que achei, nunca fiz, mas se você fizer me chame que eu vou comer contigo:


SOPA DE MELÃO-DE-SÃO-CAETANO

Ingredientes: (para 2 porções)
4 copos de água
4 pedaços mais ou menos quadrados, de costela de porco ( de aprox. 6 cm)
2 colheres de molho de soja
1 pimenta dedo de moça fatiada em rodelinhas (sem as sementes)
1 cravo-da-índia
1 dente de alho
1 melão amargo
1 colher de zeite
1 folha de louro
1 pitada de açafrão da terra
sal à gosto

 PREPARO:
Corte o melão amargo ao meio, transversalmente e depois em pedaços de uns 6 cm. Remova as sementes e a parte branca. 
Refogue bem a costela de porco com o azeite e o louro. Adicione a água e os demais ingredientes e cozinhe em fogo médio. Você pode necessitar adicionar a água de tempo em tempo. Adicionar mais molho de soja, se necessário.
Tempo de cozimento aproximado: 1 hora ou até o melão amargo ficar macio ao ponto de corte com uma colher.

Neste site tem outra receita: http://www.cozinhajaponesa.com.br/v04/receitasjaponesas_d.asp?s=6&c=242. Só não esqueçam de me convidar pra ceia. kkkk
Até a próxima!




segunda-feira, 17 de janeiro de 2011

Melancia-da-praia (Solanum capsicoides)

Você já comeu Melancia da Praia?
É muito provável que a resposta a esta pergunta seja NÂO.
Minha infância no interior me levou a conhecer plantas que muitos nem sabem que existem. Assim a partir de hoje mostrarei algumas plantas que só quem teve o prazer de viver a infância no sertão conhece:
MELANCIA-DA-PRAIA (Solanum capsicoides)

Família: Solanaceae.
Outros nomes populares: arrebenta-boi, arrebenta-cavalo, baba, babá, baga-de-espinho, gogoia, joá-vermelho, juá-ti, juá-vermelho, mata-cavalo, mingola.
Espécie conhecida pelo nome popular de Melancia-da-praia, é encontrada principalmente nas regiões litorâneas da costa Atlântica da América do Sul. Ocorre em ambientes alterados e também nas bordas das matas próximas à água. É um arbusto aculeado, pequeno, com folhas sinuado-lobadas, ciliadas, membranosas, apresentando exclusivamente tricomas simples. 

A inflorescência tem poucas flores brancas ou roxas, das quais apenas uma frutifica. As anteras são amarelas na porção basal e brancas na apical. 

O fruto é globoso, variando da cor laranja-avermelhado ao vermelho intenso, alcançando até 4,5 cm de diâmetro quando maduro, e tem um pericarpo fino, sem polpa, deiscente por linhas irregulares. Floresce e frutifica, principalmente, na primavera e verão, mas pode ser encontrada florida durante quase todo o ano.

Descrição : Planta da família das Solanaceae. Também conhecida como arrebenta-boi, arrebenta-cavalo, baba, babá, baga-de-espinho, gogoia, joá-vermelho, juá-ti, juá-vermelho, mata-cavalo, mingola. 
Indicações: manchas de pele (panos), urticária, tuberculose mesentérica, edema nos membros inferiores. 


Parte utilizada: frutos. 


Contra-indicações/cuidados: as sementes são tóxicas. 

As vacas ingerem os frutos (com sementes) e morrem ou transmitem as propriedades tóxicas pelo leite. 

Modo de usar: a polpa do fruto é comestível. Os frutos são usados para matar baratas.



 

Blogger news

Nº de Visualizações

About